Itamar denuncia que Chapecó poderá ter 2,5 mil presos

9 de agosto de 2013 • 19h08Polícia • 963 Visualizações • Nenhum comentário em Itamar denuncia que Chapecó poderá ter 2,5 mil presos

DSC00143 - Cópia

A possibilidade da população carceraria crescer em mais 900 presos em breve em Chapecó vai ser rechaçada pelo Vereador Itamar Agnoletto. De acordo com ele o DEAP – Departamento de Administração Prisional – tem intenção de criar mais 600 vagas no regime fechado e 200 vagas no regime semiaberto, em Chapecó.

 

Para Itamar Agnoletto se confirmada essa ação do Estado, Chapecó passará a ter 2.500 presos. Entende que a cidade terá uma série de problemas que vão de infraestrutura a saúde. É que com a vinda de presos de Florianópolis, Itajaí, Criciúma, Joinville e outras cidades, virão também seus familiares que terão que buscar moradias, saúde, transporte, educação e outros serviços municipais.

 

Segundo ainda Itamar Agnoletto é mais gente para o atendimento em todos os setores do município, sem contar que o sistema prisional aumentará a pressão sobre a sociedade. Além disso não existe estrutura para mais presos. Nesse sentido ele fará Moção de Apelo endereçada ao Prefeito José Caramori para que se posicione contrário a essa possível imposição do Estado. “Faramos também uma moção para o governador”, concluiu.

 

Conteúdo Relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »